Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dados Lançados

"I'm not a perfect person. There's many things i wish i didn't do but i continue learning"

Dados Lançados

"I'm not a perfect person. There's many things i wish i didn't do but i continue learning"

Sabemos que vamos fazer falta quando:

* A minha colega do escritório diz que a patroa ontem foi ter com ela para lhe dizer que eu ia embora. E que, apesar de dizer que compreendia que era o melhor para mim, ia ter muita pena da minha saída.

 

* A minha colega dos serviços do IMTT diz que já sabia que eu ia embora porque a minha patroa lhe tinha ligado ontem a desabafar porque estava muito desorientada e não sabia se iria encontrar alguém que estivesse à altura de me substituir.

 

 

Confesso que, por momentos, senti que era a Andy do filme "O Diabo veste Prada". Naquela cena, já no final, em que a Emily diz para a nova assistente de Miranda que ela terá que trabalhar muito para chegar aos calcanhares da Andy.

 

Não quero ser presunçosa mas eu sei que lhes vou fazer lá falta. No entanto considero que poucas ou mesmo nenhumas pessoas são insubstituíveis. Eu não sou excepção. De certeza que elas vão arranjar alguém que consiga fazer tanto ou mais do que eu. Apenas sabe bem sentir que somos queridas e que iremos fazer falta. Principalmente se a pessoa que nos faz sentir assim, mesmo que indirectamente, é a nossa patroa que raramente diz um "obrigada" quando mais dizer que vai sentir a nossa falta.

Correu melhor do que eu estava à espera.

Foi hoje que acabei com todo o segredo. Disse é minha patroa que me ia embora!

 

Assim que a minha colega saiu a porta do escritório para ir beber café, entrei eu pelo gabinete para falar com a S.S. Tinha as mãos a suar e a tremer. Não tanto como quando fui falar com o Sr J.R., mas estava nervosa.

 

Expliquei-lhe que eu e o MC íamos embora do Continente e ela aceitou bem. Muito bem até.

 

Ela disse que eu ia fazer falta, claro. Que imaginava que eu lhe iria dizer é que estava grávida. Agradeceu por ficar até aos IVAs e perguntou se poderia ficar um pouco mais para ambientar a possível nova colega.

 

Uma conversa curta e directa. 

 

Agora estou mais calma mas quero ver como será quando a poeira assentar e a I.G. voltar de férias. No entanto, correu melhor do que eu estava à espera.