Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dados Lançados

"I'm not a perfect person. There's many things i wish i didn't do but i continue learning"

Dados Lançados

"I'm not a perfect person. There's many things i wish i didn't do but i continue learning"

Não suporto pessoas assim.

Não gosto de pessoas que se aproveitam das outras para conseguirem o que querem. De pessoas que têm que ter só porque o vizinho do lado também tem. De pessoas que acham que todos os outros têm que fazer o que elas querem só porque elas querem.

 

- Ela vai "cravar-te" casa nos Açores assim que souber que te vais mudar para lá. - disse-me a S.S.

- Achas? Pode ser que não. - Respondi-lhe eu.

- Aposto o que quiseres! Quando comecei a construir a minha casa ela fez de tudo para vender o apartamento deles e começar a construir uma para ela também. E não imitou mais a minha porque não lhe dei mais informações. Quando troquei de carro não tardou a trocar o dela também. Quando foste de férias ao Porto, onde ela foi logo a seguir? Arranjou por lá um conhecido daqueles que ninguém nunca ouviu falar e cravou por lá casa. Quando decidimos ir á Disneylândia ela tratou de arranjar um primo do marido - outro que nunca ninguém ouviu falar - para lhe arranjar lá casa para ir também. Assim que lhe disse que íamos a Santiago de Compostela a pé desatou a fazer caminhadas por Santa Cruz para se preparar para ir para o ano. Acredita em mim, não vai tardar a dizer que, agora que vais para lá de vez, vai lá passar uns dias à tua casa.

- Bem, talvez. Vamos ver.

 

Dito e feito! Assim que regressou de férias e soube que ia para os Açores fez logo o comentário. "Assim já podemos lá ir passar uns dias à tua casa. Estou tão curiosa para conhecer a ilha!"

 

Já lhes falei diversas vezes na ilha. A S.S. sempre mostrou interesse em lá ir mas assim que lhe ofereci casa disse que não. Que queria que me instalasse primeiro e que tudo desse certo por lá e só depois aceitava o meu convite. Mas que antes disso tudo acontecer iria com certeza conhecer a ilha por iniciativa própria. A I.G. que nunca demonstrou qualquer interesse por lá ir pede logo a minha casa para passar uns dias. Não fui eu que ofereci, foi ela que pediu. Diversas vezes até, não vá eu pensar que ela estava a brincar.

 

Pessoas assim incomodam-me. Não suporto. É destas pessoas que me quero manter longe.